Forças Armadas têm presença histórica no maior bioma brasileiro

Uma das maiores reservas naturais do planeta e o maior bioma do Brasil, a Amazônia é homenageada neste 5 de setembro. A região abriga a maior floresta tropical, a maior bacia hidrográfica do mundo e imensa biodiversidade.

A Amazônia brasileira estende-se por 5,5 milhões de metros quadrados e a vegetação que a caracteriza também se espalha pelos países vizinhos: Bolívia, Colômbia, Equador, Venezuela, Guiana, Guiana Francesa, Peru e Suriname.

dia de hoje foi escolhido como marco para a homenagem, por coincidir com a criação da Província do Amazonas, em 1850, por D. Pedro II. Historicamente as Forças Armadas sempre estiveram presentes na região, tanto assegurando a soberania nacional, quanto prestando assistência às populações locais. Marinha, Exército e Aeronáutica têm como principal missão a defesa da Pátria, e a presença na Amazônia está inserida no contexto estratégico de integração nacional, de desenvolvimento da região e da necessidade de efetiva presença do Estado Brasileiro na Amazônia.

Força Naval

A Marinha, por meio dos Navios de Assistência Hospitalar (NAsH), promove o cuidado e a atenção à saúde básica das comunidades ribeirinhas da Amazônia. O foco do trabalho são as comunidades de baixa renda que moram ao longo dos trechos navegáveis dos principais rios da bacia amazônica.

Durante as missões, são disponibilizadas consultas médicas e odontológicas, exames clínicos e laboratoriais e cirurgias de pequeno porte. Os militares profissionais de saúde também ministram palestras educativas e distribuem medicamentos, de acordo com as necessidades.

Atualmente, quatro NAsH são subordinados ao Comando da Flotilha do Amazonas e atuam na área de jurisdição do Comando do 9º Distrito Naval (Com9ºDN), que compreende os estados do Acre, do Amazonas, de Roraima e de Rondônia. São eles: Oswaldo Cruz, Carlos Chagas, Doutor Montenegro e Soares de Meirelles.

Fonte DefesaTV

Recomendados para você