STOUT: FAB e Embraer apresentam nova aeronave híbrida de transporte Por  Fernando

Durante a realização do Seminário de Defesa Nacional, promovido pelo Ministério da Defesa, foi apresentado uma nova aeronave conceitual híbrida de transporte utilitário para Força Aérea Brasileira, conhecida como STOUT.

O Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, apresentou a aeronave STOUT (Short Take Off Utility Transport), que deverá substituir os atuais C-95 Bandeirante e C-97 Brasília, já que possui tamanho similar a este último.

A aeronave utilitária terá capacidade de decolagem em pistas curtas e semi-preparadas, facilitando o uso na região amazônica.

Terá um conceito híbrido, com dois motores turboélices e dois elétricos. A imagem conceitual mostra um avião de asa alta, com fuselagem retangular e rampa traseira.

A futura aeronave deverá ser capaz de transportar carga paletizada, 30 soldados equipados, fazer o lançamento de 24 paraquedistas, assim como transporte de cargas em geral e missões de evacuação aeromédica. De acordo com as primeiras informações divulgadas, será capaz de transportar 3 toneladas de carga e poderá operar em pistas curtas com menos de 1.000 metros. Terá alcance de 2.425 Km

“O novo vetor levará em consideração diversas necessidades operacionais, como transporte de carga e pessoal em áreas de selva, lançamento de paraquedistas, extração de palete e transporte de enfermos”, disse o Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, durante a apresentação do projeto.

Um memorando inicial de desenvolvimento foi assinado em 2019 com a Embraer, que deverá ser a responsável pelo desenvolvimento do novo avião que poderá também ser convertido para transporte VIP.

Recomendados para você